Complicações orais relacionadas a preenchimentos estéticos: revisão de literatura

Lorena Layanne Pereira Custódio, Júlia Kiara da Nóbrega Holanda, Ocimar Lopes de Oliveira, Lívia da Silva Pereira, Aléxia Araújo Alencar, Lara Danúbia Galvão de Souza, Cyntia Helena Pereira de Carvalho

Resumo


Introdução: Os lábios representam unidades importantes para a harmonização estética facial. Inúmeros métodos podem ser utilizados para a melhoria da estética, incluindo o uso de preenchedores que tem função de mascarar sinais de envelhecimento, aumentando a demanda por esses procedimentos e consequentemente, os relatos de complicações orais. Objetivo: Compreender através de um estudo de revisão literária as possíveis lesões orais relacionadas a preenchimento estético. Metodologia: Utilizou-se em número de quatro artigos que foram publicados entre o período de 1998-2018 na plataforma Google Acadêmico com as seguintes palavras chaves: preenchimento estético, complicações, reação de corpo estranho, implicações. Discussão: Essa técnica surgiu devido à grande procura dos pacientes por procedimentos de rápida recuperação e cicatrizes mínimas. Mas, produtos químicos quando usados para aumento de partes moles, podem apresentar complicações, como equimose, edema, eritema, hematomas, reativação herpética, granulomas, nódulos, deformidade e destruição de tecido por uma resposta inflamatória e por dificuldade para sua remoção. O sucesso do preenchimento está relacionado com a substância e técnica utilizada. Com isso, deve-se ter conhecimento, por exemplo, do volume a ser injetado assim como a anatômica da região do filtro, pois nessa área observa-se que as artérias superficiais que podem facilitar o sangramento, necrose e outras complicações. Assim, seria imprescindível a formulação de dados com informações que orientasse o profissional para atuar com base nas melhores evidências. Apesar de ser raro, estima-se que possam ocorrer em 0,02% a 1% dos casos de preenchimento, sendo mais comum em mulheres pelo fator estético. Conclusão: Apesar da grande diversidade de substancias e técnicas de preenchimento, não existe consenso sobre qual a melhor delas. A prioridade é a segurança, eficácia, não causar infecção, sem nódulos, fácil remoção, baixo potencial de reações alérgicas, entre outros, pois pode resultar em deformidades permanentes. Por isso, é essencial que o profissional esteja ciente destas possíveis complicações.

Texto completo:

PDF


Indexação em Base de Dados (Catálogo de Revistas Científicas)
  • BBO - Bibliografia Brasileira de Odontologia
  • BVS – Biblioteca Virtual em Saúde
  • BIREME - Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe
  • SEER - Diretório de Revistas Brasileiras em SEER
  • DIADORIM - Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras
  • PKP - Public Knowledge Project
  • SCHOLAR GOOGLE