Efeito dos testes de vitalidade pulpar sobre os dentes posteriores, antes e após preparos cavitários Classe I

Joselúcia da Nóbrega Dias, Andressa Eveline de Lima Ribeiro, Mayra Sousa Gomes, Thais Oliveira Cordeiro, Isauremi Vieira de Assunção, Boniek Castillo Dutra Borges, Isabela Pinheiro Cavalcanti Lima

Resumo


Introdução: A determinação da vitalidade ou sensibilidade pulpar é conseguida pelo uso de testes como percussão vertical e horizontal e testes térmicos de frio e calor. Nenhum exame bucal estará completo sem a realização dos testes de vitalidade pulpar. Esse estudo teve como objetivo avaliar as respostas sensitivas pulpares aos testes térmicos e mecânicos, comparando seus efeitos antes e após preparos cavitários Classe I em dentes posteriores. Metodologia: A coleta de dados foi iniciada após aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa, com o parecer número 1.469.728. Foram analisados 50 dentes, pré-molares e molares, de pacientes entre 20 e 40 anos. Os dentes foram submetidos a testes térmicos de frio e calor, bem como a testes mecânicos de percussão vertical e horizontal, todos aplicados antes e após o preparo cavitário. Para a tabulação dos dados, foi realizada análise descritiva e análise inferencial através do Teste Qui-quadrado. Resultados/Discussão: Foram verificadas mudanças significativas (p<0,001) na sensibilidade pulpar tanto aos testes térmicos, como aos testes mecânicos. A utilização de agentes térmicos na determinação da vitalidade pulpar é de suma importância na complementação do diagnóstico clínico da polpa dentária, pois de seu emprego possibilita a manutenção e preservação da polpa dentária. Já os testes mecânicos de percussão horizontal e vertical são mais comumente utilizados no diagnóstico das alterações perirradiculares ou para identificar o dente que é a origem da dor em caso de respostas negativas aos testes térmicos. Conclusão: De acordo com os testes aplicados, os testes térmicos apresentaram um maior número de casos de dor severa do que os testes mecânicos.

Texto completo:

PDF


Indexação em Base de Dados (Catálogo de Revistas Científicas)
  • BBO - Bibliografia Brasileira de Odontologia
  • BVS – Biblioteca Virtual em Saúde
  • BIREME - Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe
  • SEER - Diretório de Revistas Brasileiras em SEER
  • DIADORIM - Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras
  • PKP - Public Knowledge Project
  • SCHOLAR GOOGLE