Avaliação do nível de estresse em pacientes com lesão cervical não cariosa atendidos Clínica de Odontologia da UFCG

Antônio Pereira de Araújo Neto, José Henrique de Araújo Cruz, Laerte Petrúcio Andrade Cavalcante, Camila Helena Machado da Costa Figueiredo, Luanna Abílio Diniz Melquíades de Medeiros, Elizandra Silva da Penha, Gymenna Maria Tenório Guênes

Resumo


Introdução: As lesões cervicais não cariosas apresentam-se como uma perda irreversível dentária na região cervical sem o envolvimento bacteriano e possui etiologia multifatorial. Devido ao estresse, a perda de tecido dental tem sido compreendida por fator oclusal, que ocorre flexão na região cervical, comprovando a associação da lesão ao bruxismo, apertamento e contato prematuro. Objetivo: O objetivo deste trabalho foi avaliar o nível de estresse em pacientes com Lesão Cervical Não Cariosa (LCNC) em pacientes atendidos na Clínica Escola de Odontologia da UFCG. Metodologia: O estudo foi do tipo transversal, observacional, com abordagem indutiva e procedimento comparativo, estatístico-descritivo, estratégia de coleta de dados as fichas clinicas, exame clínico e um questionário Inventário de Sintomas de Estresse de Lipp (ISSL) e aprovado pelo comitê de ética sob o CAAE: 89367618.7.0000.5181. Os dados foram registrados no banco de dados do programa de informática SPSS para Windows 7, versão 13.0 no período de fevereiro a setembro de 2018. Resultados/Discussão: A fase I corresponde à experiência de estresse nas últimas 24 horas, a fase II na última semana e a fase III no último mês. A amostra consistiu de 150 participantes, sendo 86 (57,4%) do gênero feminino e 64 (42,6%) do gênero masculino. Do gênero masculino, o maior número de participantes (33) apresentavam-se em fase de exaustão (Fase III), e de 86 pacientes do gênero feminino, o maior número (50) também se apresentavam em nível de exaustão. Quando questionados sobre o sistema estomatognático, a tensão muscular foi a mais relatada com 42,6% (75 assertivas). Conclusão: Portanto, pacientes com LCNC apresentaram-se estressados e sujeitos a alterações bucais e sistêmicas.

Texto completo:

PDF


Indexação em Base de Dados (Catálogo de Revistas Científicas)
  • BBO - Bibliografia Brasileira de Odontologia
  • BVS – Biblioteca Virtual em Saúde
  • BIREME - Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe
  • SEER - Diretório de Revistas Brasileiras em SEER
  • DIADORIM - Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras
  • PKP - Public Knowledge Project
  • SCHOLAR GOOGLE