Condições de saúde bucal de usuários de crack: um problema de saúde pública

Roberto de Lucena Jerônimo, Danilo Vieira Barbosa, Waleska Fernanda Souto Nóbrega

Resumo


Introdução: O efeito imediato do crack é uma euforia intensa, entretanto, quando usado frequentemente, pode ocasionar paradas cardíacas, hemorragia pulmonar, pneumonia, infarto de músculos e da pele, úlceras no trato gastrointestinal, não obstante lesões bucais e de orofaringe. Logo, o cirurgião-dentista deve estar alerta para alguns achados orais que possam estar relacionados ao consumo de drogas ilícitas, pois, geralmente, são estes profissionais os primeiros a terem a oportunidade de diagnosticar alterações bucais devido ao uso de álcool, cigarro e drogas ilícitas. Objetivo: O presente estudo tem por objetivo realizar uma revisão da literatura a respeito das condições de saúde bucal dos usuários de crack. Metodologia: Foram utilizados 15 artigos científicos de pesquisa original, os quais foram pesquisados nas bases de dado Scielo, Medline, Scopus e Pubmed através dos descritores "usuário de crack", "saúde bucal" e "drogas ilícitas" nos idiomas português e inglês. Conclusões: Até meados de 1990, a quantidade de estudos que tratavam do consumo de drogas ainda era reduzida no Brasil, mas mesmo tendo aumentado, ainda são insuficientes levando em consideração a sua importância. Com base nos resultados obtidos no presente trabalho concluiu-se que novas pesquisas com qualidade no delineamento metodológico são necessárias nesta temática, podendo contribuir para a definição de estratégias de atenção à saúde do dependente de crack.

Texto completo:

PDF


Indexação em Base de Dados (Catálogo de Revistas Científicas)
  • BBO - Bibliografia Brasileira de Odontologia
  • BVS – Biblioteca Virtual em Saúde
  • BIREME - Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe
  • SEER - Diretório de Revistas Brasileiras em SEER
  • DIADORIM - Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras
  • PKP - Public Knowledge Project
  • SCHOLAR GOOGLE