Proporção áurea na reabilitação de múltiplos diastemas com laminados vitrocerâmicos reforçados com dissilicato de lítio

Paula Mayumi Siqueira, Fábio Eduardo de Siqueira, Edson Suguiama, Gabriel Marcondes Castanheira, Fernanda Midori Tsuzuki, Silvia Sbenghen Bicudo Sábio, Carina Gisele Costa Bispo

Resumo


Introdução: O restabelecimento de um sorriso harmônico constitui um grande desafio para a odontologia restauradora. A sincronia entre diversas especialidades se faz necessária para diagnosticar e tratar alterações estéticas, buscando a excelência do resultado e a satisfação do paciente. Um método bastante citado na literatura e aplicado por muitos clínicos é baseado na teoria da regra de proporção áurea. Quando adotada para situações complexas a proporção áurea pode ser um ponto de referência para a reabilitação. Deste modo, o trabalho tem como objetivo demonstrar uma reabilitação estética de diastemas múltiplos após tratamento ortodôntico, por meio de laminados vitrocerâmicos reforçados com dissilicato de lítio, onde o conceito de proporção áurea é aplicado. Descrição do caso clínico: Primeiramente, o plano de tratamento consistiu na distribuição uniforme dos diastemas, sendo posicionados da maneira mais harmônica e favorável para a oclusão na reabilitação com laminados vitrocerâmicos. A segunda fase consistiu na cimentação dos laminados, a fim de obter um resultado estético agradável. Discussão: A associação de ortodontia prévia a instalação dos laminados, permite uma melhor harmonia estética e oclusal, garantindo uma longevidade do tratamento. Opções restauradoras como laminados vitrocerâmicos reforçados com dissilicato de lítio permitem reabilitações extensas minimamente invasivas. Para casos complexos a proporção áurea, quando alinhada com os conceitos de macro e microestética, pode levar ao sucesso estético.

Descritores: Estética Dentária; Facetas Dentárias; Diastema.

Referências

  1. Soares GP, Silva FAP, Lima DANL, Paulillo LAMS, Lovadino JR. Prevalência da proporção áurea em indivíduos adultos-jovens. Rev odonto ciênc. 2006;21:346-50.
  2. Higashi C, Amaral RC, Hilgenberg SP, Gomes JC, Hirata R, Loguercio R, et al. Finalização estética em dentes anteriores pós tratamento ortodôntico: relato de caso clínico. Int J Bras Dent. 2007;3:388-98.
  3. Kalia A, Mirdehghan N, Khandekar S, Patil W. Multi-disciplinary approach for enhancing orthodontic esthetics - case report. Clin Cosmet Investig Dent. 2015;13:83-9.
  4. Otani T, Raigrodski AJ, Mancl L, Kanuma I, Rosen J. In vitro evaluation of accuracy and precision of automated robotic tooth preparation system for porcelain laminate veneers. J Prosthet Dent. 2015;114:229-35.
  5. BaratierI LN. Estética: restaurações adesivas diretas em dentes anteriores fraturados. São Paulo: Santos Editora; 1998.
  6. Levin, EI. Dental esthetics and the golden proportion. J Prosthet Dent. 1978;3:244-52.
  7. Siqueira PM, Nahsan FPS, Naufel FS, Formighieri LA, Schmitt VL. Incidência da proporção áurea regressiva após tratamento ortodôntico. Rev Odontol Bras Central. 2012;21:515-18.
  8. Melo GFB, Menezes Filho PFM. Proporção áurea e sua relevância para a odontologia estética. Int J Dent. 2008;7:234-238.
  9. Oliveira VLR. Estudo da proporção áurea entre incisivos centrais. SOTAU R. Virtual Odontol. 2008;5:2-6.
  10. Proffit W, Fields HW, Sarver DM. Contemporary orthodontics Fourth edition. Oxford: Elsevier Health Sciences; 2006.
  11. Moon JE. Esthetic restorations of maxillary anterior teeth with orthodontic treatment and porcelain laminate veneers: a case report. J Adv Prosthodont. 2010;2:61-63.
  12. Keene HJ. Distribution of diastemas in the dentition of man. Am J Phys Anthropol. 1963;21:437-41.
  13. Nagalakshmi S, Sathish R, Priya K, Dhayanithi D. Changes in quality of life during orthodontic correction of midline diastema. J Pharm Bioallied Sci. 2014;6:162-64.
  14. Jacobson N, Frank CA. The myth of instant orthodontics: an ethical quandary. J Am Dent Assoc. 2008;139:224-34.
  15. Bona AD. Bonding to ceramics: scientific evidences for clinical dentistry. São Paulo: Artes Médicas; 2009. p. 91-132.
  16. Griggs JA. Recent advances in materials for all-ceramic restorations. Dent Clin North Am. 2007;51:713-27.
  17. Gurel G, Sesma N, Calamita MA, Coachman C, Morimoto S. Influence of enamel preservation on failure rates of porcelain laminate veneers. Int J Periodontics Restorative Dent 2013;33:31-9.
  18. Vargas MA, Bergeron C, Diaz-Arnold A. Cementing all-ceramic restorations: recommendations for success. J Am Dent Assoc. 2011;142:20-24.
  19. Runnacles P, Correr GM, Baratto Filho F, Gonzaga CC, Furuse AY. Degree of conversion of a resin cement light-cured through ceramic veneers of different thicknesses and types. Braz Dent J. 2014; 25:38-42.
  20. Almeida JR, Schmitt GU, Kaizer MR, Boscato N, Moraes RR. Resin-based luting agents and color stability of bonded ceramic veneers. J Prosthet Dent. 2015;114:272-77.
  21. Marubayashi AMW, Shinike, AY, Terada, HH, Kurihara, E, Terada RSS. Avaliação da proporção áurea em pacientes submetidos ou não a tratamento ortodôntico. Rev Dental Press Estét. 2010;7:72-80.
  22. Morley J1, Eubank J. Macroesthetic elements of smile design. J Am Dent Assoc. 2001;132:39-45.
  23. Johnston CD, Burden DJ, Stevenson MR. The influence of dental to facial midline discrepancies on dental attractiveness ratings. Eur J Orthod. 1999;21:517-22.
  24. Kokich VO Jr, Kiyak HA, Shapiro PA. Comparing the perception of dentists and lay people to altered dental esthetics. J Esthet Dent. 1999;11:311-24.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21270/archi.v8i10.3813

Indexação em Base de Dados (Catálogo de Revistas Científicas)
  • BBO - Bibliografia Brasileira de Odontologia
  • BVS – Biblioteca Virtual em Saúde
  • BIREME - Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe
  • SEER - Diretório de Revistas Brasileiras em SEER
  • DIADORIM - Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras
  • PKP - Public Knowledge Project
  • SCHOLAR GOOGLE