Glossectomia como alternativa à recidiva de maloclusão: relato de caso

Vítor Bruno Teslenco, Maylson Alves Nogueira Barros, Herbert de Abreu Cavalcanti, Guilherme Nucci dos Reis

Resumo


Introdução: a macroglossia é uma condição incomum e pode ser caracterizada como uma desordem por hipertrofia muscular, podendo ter também origem tumoral, endócrina, causas congênitas e doenças adquiridas. Inúmeras são as técnicas cirúrgicas para correção desta anomalia, porém, o plano de tratamento deve ter como base a etiologia da macroglossia. A correção cirúrgica objetiva a retomada de forma e função da língua, reestabelecendo a capacidade mastigatória, respiratória, fonética e estabilidade oclusal. Objetivo: relatar a comunidade científica um caso de glossectomia parcial para correção de um quadro de macroglossia, facilitando assim, a estabilidade do tratamento ortodôntico do paciente. Relato de caso: Paciente de 50 anos, leucoderma, em tratamento por ortodontia corretiva há mais de 18 meses, sem sucesso observado. Devido ao quadro de instablidade ortodôntica, maloclusão sem resolução passiva, macroglossia diagnosticada e redução da capacidade respiratória foi optado por realizar a glossectomia parcial. O procedimento foi realizado sob anestesia geral, onde removemos o tecido muscular a partir da abordagem de buraco de fechadura (Técnica de Kole). Conclusão: constatamos no presente caso, que a técnica de buraco de fechadura empregada neste paciente se mostrou eficaz, uma vez que obtivemos uma melhora estética e funcional, diminuindo o comprimento e largura da língua. Da mesma maneira, o tratamento ortodôntico foi passível de ser finalizado.

Descritores: Macroglossia; Cirurgia Bucal; Glossectomia.

Referências

  1. Topouzelis N, Iliopoulos C, Kolokitha OE. Macroglossia. Int Dent J. 2011;61(2):63-9.
  2. Neville BW, Allen CM, Damm DD, Chi AC. Patologia: oral e maxilofacial. 4.ed.  Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2016.
  3. Gadiwalla Y, Burnham R, Warfield A, Praveen P. Surgical management ofmacroglossia secondary to amyloidosis. BMJ Case Rep. 2016:10.1136.
  4. Salmen FS, Dedivitis RA. Partial glossectomy as an auxiliary method to orthodontic treatment of dentofacial deformity. Int Arch Otorhinolaryngol. 2012;16(3):414-17.
  5. Costa SAP, Brinhole MCP, da Silva RA, Dos Santos DH, Tanabe MN. Surgical treatment of congenital true macroglossia. Case Rep Dent. 2013;2013:489194.
  6. Balaji SM. Reduction glossectomy for large tongues. Ann Maxillofac Surg. 2013;3(2):167-72.
  7. Cymrot M, Teixeira FAA, Sales FCD, Muniz NFJ. Glossectomia subtotal pela técnica de ressecção lingual em orifício de fechadura modificada como tratamento de macroglossia verdadeira. Rev Bras Cir Plást. 2012;27(1):165-69.
  8. Tanaka OM, Guariza-Filho O, Carlini JL, Oliveira DD, Pithon MM, Camargo ES.Glossectomy as an adjunct to correct an open-bite malocclusion with shortenedmaxillary central incisor roots. Am J Orthod Dentofacial Orthop. 2013;144(1):130-40.
  9. Salmen FS, Dedivitis RA. Glossectomia parcial como método auxiliar ao tratamento ortodôntico da deformidade dento-facial. Int Arch Otorhinolaryngol.  2012;16(3):414-17.
  10. Jung YW, On SW, Chung KR, Song SI. Simultaneous glossectomy with orthognathic surgery for mandibular prognathism. Maxillofac Plast Reconstr Surg. 2014;36(5):214-18.
  11. Vieira CA. Fonoterapia em glossectomia total: estudo de caso. Rev Soc Bras Fonoaudiol. 2011;16(4):479-82.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21270/archi.v8i12.4653

Indexação em Base de Dados (Catálogo de Revistas Científicas)
  • BBO - Bibliografia Brasileira de Odontologia
  • BVS – Biblioteca Virtual em Saúde
  • BIREME - Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde
  • LATINDEX - Sistema Regional de Información en Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe
  • SEER - Diretório de Revistas Brasileiras em SEER
  • DIADORIM - Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras
  • PKP - Public Knowledge Project
  • SCHOLAR GOOGLE