Análise da taxa de sobrevivência de implantes dentários em pacientes com fissuras labiopalatinas operados: revisão sistemática com meta-análise

  • Dos Santos MVP, Magalhães KMF, Oshiro TY, Lopes JFS, Azevedo RMG, Pinto JHN, Santiago Júnior JF

Resumo

A literatura não apresenta um consenso se pacientes com fissuras labiopalatinas operados apresentam maior possibilidade de fracasso de implantes dentários quando comparado a pacientes sem fissuras. Assim, este estudo teve o objetivo de executar uma revisão sistemática com meta-análise a fim de se caracterizar a perda de implantes, perda óssea marginal, complicações biológicas e complicações técnicas relacionadas as reabilitações orais. Diferentes bases de dados foram empregadas, os descritores usados foram: ``fissura palatina`` e ``Implantes dentários``. O software Comprehensive - Meta – analysis foi utilizado para a análise estatística, considerando-se um nível de significância de 0,05. Os principais resultados indicaram que a falha precoce de implantes neste grupo de pacientes esteve dentro dos parâmetros normais (5,9%), assim como para falha tardia (7,7%). Não foi identificado diferença significativa na comparação de fracasso de implantes instalados em região de fissura, quando comparados a região posterior. Com base nos resultados, pôde-se concluir que a taxa de sobrevivência de implantes instalados em pacientes com fissuras labiopalatina apresenta-se dentro dos parâmetros estabelecidos pela literatura. Estudo clínicos com longo período de acompanhamento devem ser delineados a fim de se avaliar o tema.

Descritores: Implantes Dentários; Revisão; Fissura Palatina.

Apoio: FAPESP: 2017/01715-4

Referências

  1. Kearns G et al. Placement of endosseous implants in grafted alveolar clefts. Cleft Palate Craniofac J. 1997; 34(6):520-25.
  2. Kramer FJ et al. Dental implants in patients with orofacial clefts: a long-term follow-up study. Int J Oral Maxillofac Surg. 2005; 34(7):715-21.
  3. Esposito M et al. Dental implants with internal versus external connections: 1-year post-loading results from a pragmatic multicenter randomised controlled trial. Eur J Oral Implantol. 2015; 8(4):331-44.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-10-11
Como Citar
Oshiro TY, Lopes JFS, Azevedo RMG, Pinto JHN, Santiago Júnior JF, D. S. M. M. K. (2018). Análise da taxa de sobrevivência de implantes dentários em pacientes com fissuras labiopalatinas operados: revisão sistemática com meta-análise. ARCHIVES OF HEALTH INVESTIGATION, 7. Recuperado de https://archhealthinvestigation.com.br/ArcHI/article/view/3265