Avaliação clínica e radiográfica dos tecidos periimplantares em pacientes reabilitados com próteses mandibulares implantossuportadas

  • Tôrres ACSP, Medeiros AKB, Dantas EM, Carreiro AFP

Resumo

O sucesso de reabilitações implantossuportadas também depende da manutenção da saúde periimplantar. Assim, objetivou-se avaliar clínica e radiograficamente tecidos periimplantares de pacientes reabilitados com sobredentaduras sobre 2 implantes com sistema barra clipe (G1) ou com próteses totais (PT) fixas sobre 4 ou 5 implantes (G2), mandibulares, opostas a PT convencional. Um total de 32 pacientes foi avaliado 3 (T1), 12 (T2), 24 (T3), 36 (T4) e 48 meses (T5) após a reabilitação quanto a biofilme no mini pilar (BMP), profundidade de sondagem (PS), sangramento, inflamação, mucosa ceratinizada (MC), nível da margem da mucosa (NMM) e perda óssea (PO). Para análise das diferenças estatísticas em cada grupo e entre eles os testes Friedman e Mann Whitney foram utilizados. A amostra foi composta por 71,9% de mulheres e 28,1% de homens, com idade média de 64,48 ± 8,28 anos. O BMP aumentou ao longo do tempo em G2 (p0,020) e foi maior no G2 do que no G1 em T3, T4 e T5 (p<0,05). A inflamação aumentou em G1 (p0,017) e se manteve estável em G2. Em relação ao NMM ocorreu maior recessão gengival no G2 em todos os tempos (p≤0,001). A PS aumentou ao longo do tempo em G1 (p< 0,001) e G2 (p0,056). A diferença de BMP e PS entre T5 e T1 foi significativamente maior em G2 do que em G1. A PO foi maior em G2 em todos os tempos (p<0,001). Diante disto, concluiu-se que, de maneira geral, as próteses totais fixas proporcionam piores condições aos tecidos periimplantares. Contudo, na análise intragrupo, pacientes com sobredentaduras apresentaram maior tendência a aumento da inflamação e PS ao longo do tempo.

Descritores: Reabilitação Bucal; Prótese Dentária; Implante Dentário.

Apoio: MCTI/CNPQ/Universal 14/2014 (Processo 462100/2014-6)

Referências

  1. Cehreli MC, Uysal S, Akca K. Marginal bone level changes and prosthetic maintenance of mandibular overdentures supportedby 2 implants: a 5-year randomized clinical trial. Clin Implant Dent Relat Res. 2010; 12(2):114-21.
  2. Meijer HJ, Raghoebar GM, de Waal YC, Vissink A. Incidence of peri-implant mucositis and peri-implantitis in edentulous patients with an implant-retained mandibular overdenture during a 10-year follow-up period. J Clin Periodontol. 2014; 41(12):1178-83.
  3. Krennmair G, Seemann R, Weinländer M, Krennmair S, Piehslinger E. Clinical outcome and peri-implant findings of four-implant-supported distal cantilevered fixedmandibular prostheses: five-year results. Int J Oral Maxillofac Implants. 2013; 28(3):831-40.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-10-11
Como Citar
Dantas EM, Carreiro AFP, T. A. M. A. (2018). Avaliação clínica e radiográfica dos tecidos periimplantares em pacientes reabilitados com próteses mandibulares implantossuportadas. ARCHIVES OF HEALTH INVESTIGATION, 7. Recuperado de https://archhealthinvestigation.com.br/ArcHI/article/view/3276