Apendicite aguda em paciente gestante: relato de caso

  • Gustavo Faleiro Barbosa
  • Stephanie Guardabassio de Oliveira
  • Glendha Stephanie Martins
  • Amanda Oliva Spaziani
  • Raulcilaine Érica dos Santos
  • Luisa Ferreira Alberti
  • Maria Isabel Oliveira da Costa
  • Paloma Tonani
  • Talita Costa Barbosa
  • Raissa Silva Frota
  • Aline Ribeiro Cunha
  • Leonardo Faidiga
Palavras-chave: Apendicite, Apendicectomia, Gravidez

Resumo

A apendicite aguda é uma complicação abdominal extra uterina frequente durante o processo gestacional, necessitando de uma laparotomia de emergência. Paciente do sexo feminino, 25 anos, gestante de 11 semanas. Queixava-se de dor abdominal difusa, de início súbito, há 5 dias com irradiação para fossa ilíaca direita. Durante o exame físico geral constatou-se regular estado geral. Ao exame físico abdominal, apresentou ruídos hidroaereos presentes, abdome globoso, flácido, doloroso a palpação superficial em fossa ilíaca direita e flanco direito, descompressão brusca positiva, sinal de Blumberg e Lapinsk positivo. Realizado ultrassom de abdome total apresentando pequenos cálculos renais a direita com imagem heterogênea, sólida/cística mal definida em fossa ilíaca direita de etiologia a esclarecer. Submetida a apendicectomia, sem intercorrências. No ultrassom obstétrico morfológico pós-cirúrgico constatou-se saco gestacional bem implantado, líquido amniótico sem alteração, embrião com batimentos cardíacos fetais 150 bpm. A gravidez evoluiu sem complicações. Considerando a dificuldade do diagnóstico durante a gravidez, recomenda-se o uso de imagens para maior assertividade, reduzir atrasos na cirurgia e apendicectomia negativa. Devido ao risco de exposição fetal a radiação ionizante, recomenda-se a ressonância magnética. A decisão para a realização da laparotomia deve-se ser pautada em achados clínicos, diagnóstico por imagem e avaliação. Ressalta-se que os atrasos no diagnóstico superiores a 24 horas, aumentam o risco de perfuração do apêndice.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Rios DM, Vieira VC, Silva JRG, Ximenes L, Altoé GM, Cerqueira JL et al. Apendicite aguda em gestante de 32 semanas: Relato de caso. Acta Biomed Bras. 2018;9(1):178-83.

Franca Neto AH, Amorim MMR, Nóbrega BMSV. Acute appendicitis in pregnancy: literature review. Rev Assoc Med Bras. 2015;61(2):170-77.

Aggenbach L, Zeeman GG, Cantineau AE, Gordijn SJ, Hofker HS. Impact of appendicitis during pregnancy: no delay in accurate diagnosis and treatment. Int J Surg. 2015;15:84-9.

Laparoskopische vs. offene Appendektomie bei vermuteter Appendizitis in der Schwangerschaft. / [Suspected appendicitis during pregnancy: laparoscopic or open approach?]. Chirurg. 2019;90(8):675.

Patel D, Fingard J, Winters S, Low G. Clinical use of MRI for the evaluation of acute appendicitis during pregnancy. Abdom Radiol (NY). 2017;42(7):1857-63.

Noa Lores I, Laffita Labañino W, Jay Herrera O, Romero Rodríguez F, Galano Lores N, Hernández Cervantes B. Apendicitis aguda en la embarazada. Rev Cubana Cir. 2014;53(4):336-45.

Smith E, Pauli JM. Pregnancy and Appendicitis. In: Docimo Jr S, Pauli E (eds) Clinical Algorithms in General Surgery. Springer, Cham; 2019.

Tsai R, Raptis C, Fowler KJ, Owen JW, Mellnick VM. MRI of suspected appendicitis during pregnancy: interradiologist agreement, indeterminate interpretation and the meaning of non-visualization of the appendix. Br J Radiol. 2017;90(1079):20170383.

Barahona ZD, Schiappacasse FG, Labra WA, Soffia SP. Abdomen agudo en el embarazo: Evaluación por resonancia magnética. Rev chil radiol. 2015;21(2):70-5.

Kave M, Parooie F, Salarzaei M. Pregnancy and appendicitis: a systematic review and meta-analysis on the clinical use of MRI in diagnosis of appendicitis in pregnant women. World J Emerg Surg. 2019;14:37.

Critérios de adequação de exames de imagem e radioterapia. Colégio Brasileiro de Radiologia. São Paulo; CBR; 2005.

Chacon AG, León EC, Hurtado RR, Gutierrez FAC. Apendicitis aguda durante la cesárea. Rev Cub Anest Rean. 2015;14(2):176-80.

Santos AM, Santos EO, Carvalho JT,Castro MS, Heitz RM. Apendicectomia na gestação: um relato de caso. RESU. 2016;4(Suppl1).

Publicado
2020-10-22
Como Citar
Barbosa, G. F., Oliveira, S. G. de, Martins, G. S., Spaziani, A. O., Santos, R. Érica dos, Alberti, L. F., Costa, M. I. O. da, Tonani, P., Barbosa, T. C., Frota, R. S., Cunha, A. R., & Faidiga, L. (2020). Apendicite aguda em paciente gestante: relato de caso . ARCHIVES OF HEALTH INVESTIGATION, 10(1), 129-133. https://doi.org/10.21270/archi.v10i1.4845
Seção
Original Articles